Um elogio especial

Num sábado de 2007, peguei a Folha sem o menor interesse e li uma entrevista que mudou quase tudo o que eu pensava. Era o filósofo Luiz Felipe Pondé falando sobre a dúvida conservadora. Ele critiva os modernos – comunistas, anarquistas e até os liberais – por acreditarem que conseguiriam mudar a natureza humana mudando a forma de governo ou construindo praças. Só então eu conheci o Edmund Burke e a elegância do pensamento conservador. “O que caracteriza a modernidade é a utopia de que a gente vai organizar a agonia. Não resolvem. O ser humano é agonia. O ser humano não é alguma coisa que tenha solução”, dizia o filósofo.
Desde então, fiquei fã do Pondé. Por isso foi sensacional ler o texto dele sobre o Guia na Ilustrada desta segunda. Ganhar um elogio é bom, melhor ainda é ganhar um elogio de quem você admira. Alguns trechos estão no post anterior – em negrito, uma frase que é importante repetir.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s